Governo do RN dá início ao chamamento público para o projeto Turismo Cidadão

O Governo do RN, por meio da Secretaria de Turismo e a Empresa de Promoção Turística do Rio Grande do Norte (Emprotur), lançou nesta quinta-feira (27) o chamamento para empresas e prestadores de serviços interessados no projeto Turismo Cidadão.

O projeto Turismo Cidadão, criado também em parceria com a Secretaria Estadual de Tributação, tem como objetivo estimular a economia Potiguar e principalmente o segmento turístico (um dos mais afetados pela pandemia do novo coronavírus), por meio de ações voltadas para o público interno. O programa inicia em setembro, e nessa primeira fase, o cidadão poderá trocar pontos acumulados no aplicativo Nota Potiguar por diárias em meios de hospedagem e passeio de buggy nos prestadores de serviço cadastrados no programa.

O chamamento público para as empresas que quiserem participar começou dia 27 de agosto e irá até dia 08 de setembro, o principal requisito é ter o selo Turismo +Protegido, o edital está disponível no site da Setur e da Emprotur.

Os serviços turísticos aprovados deverão disponibilizar a quantidade de diárias ou serviços de passeio de buggy que serão prestados, estes ficam cadastrados pela Nota Potiguar, e os valores correspondentes repassados pela Emprotur. Esses produtos/serviços serão disponibilizados gratuitamente à população, por meio da troca de pontos no aplicativo por vouchers, que podem ser consumidos nos estabelecimentos participantes do programa. Serão válidos os pontos acumulados durante o mês vigente e essa pontuação pode ser revertida em vouchers que dão direito a três categorias de meios de hospedagem e passeios de buggy, sendo 15 pontos para categoria um (01), 30 pontos para categoria dois (02), 45 pontos para categoria três (03) e 40 pontos para passeios de buggy de até 04 pessoas. O voucher terá uma validade especifica para utilização e o próprio usuário deve agendar o consumo do serviço conforme a disponibilidade de regras do empreendimento integrante do projeto Turismo Cidadão.

Fonte: Setur RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *